Você toma banho todo dia, cuida do visual e está sempre arrumado (a) na hora de sair de casa, certo? Com o seu carro não poderia ser diferente, só que é interessante você tomar alguns cuidados específicos para manter a pintura sempre preservada. O mesmo ocorre com o interior e os diferentes tipos de revestimentos que podem figurar na cabine. Vamos conhecer algumas dicas?

Por fora, cuidado com alguns excessos

Você é daqueles que no domingão adora passar algumas horas lavando e lustrando seu carro? Pois é, só é importante não exagerar na dose. O excesso de polimento, por exemplo, pode acabar danificando ao invés de revitalizar a pintura. Vale destacar que procedimentos mais complexos como a vitrificação, por exemplo, devem ser feitos em locais com boas referências e que utilizem equipamentos e produtos de qualidade, uma vez que quaisquer processos de revitalização da pintura requerem um bom conhecimento técnico para a execução.

Na hora do “banho”, tome algumas precauções

Assim como existem diferentes tipo de cabelos, uns mais oleosos, outros mais secos, você também não pode lavar seu carro com qualquer coisa! Procure utilizar sempre produtos neutros, de preferências os xampus destinados ao uso veicular. Se você gosta de fazer um carinho extra, vale a pena aplicar uma cera após a lavagem. Ela previne a ação dos raios ultravioleta e facilita as futuras lavagens.

Se possível, sempre na garagem

Pode parecer excesso de zelo, mas se for possível abrigar seu carro das intempéries climáticas, melhor. Em especial nas grandes cidades são maiores as chances de ocorrer chuvas com alto grau de acidez, o que pode resultar em manchas na pintura. A urina de cachorro também pode corroer o acabamento das rodas, se elas forem expostas com frequência a esse tipo de contaminação. Evite também deixar acumular fezes de pombos e seivas de árvores na carroceria, procurando limpá-las o mais rápido possível. Nas garagens, cuidado com vagas em que você note algumas goteiras, já que geralmente essa água pode conter elementos que danificam a pintura. 

Vestindo seu carro

Para quem mora no litoral ou vai passar algum tempo em regiões litorâneas, é bom aumentar a frequência das lavagens e o uso de cera, já que a maresia tem um alto efeito corrosivo. Vale a pena considerar o uso de uma capa protetora se o carro ficará estacionado em regiões com essas características. Caso você queira investir nessa proteção extra, vale a pena procurar modelos que ofereçam proteção total até mesmo para a parte inferior lateral do carro. Só coloque a capa se o carro estiver completamente seco e evite cobrir o carro com o motor ainda quente.

Alguns cuidados extras

Se você trafega com regularidade por vias não pavimentadas ou de terra, é bom limpar a parte inferior do carro para retirar o excesso de sujeira que pode ficar impregnada na região. Tome cuidado para não aplicar produtos como querosene ou óleos “miraculosos”, que muitas vezes podem conferir um brilho interessante na hora, mas corroem as borrachas e podem causar danos no futuro.

Partindo para o interior

Além de fazer mal para os pulmões, o cigarro também é um grande vilão para o interior do seu carro. Além do cheiro forte que ele pode deixar na área interna, em alguns casos a fumaça pode até manchar a forração do teto. Logo, atenção com os fumantes! Se você tem filhos pequenos ou vira e mexe precisa transportar crianças, vale a pena andar com alguma toalha ou um pano para limpar líquidos ou alimentos que possam cair nos bancos ou no assoalho do carro. 

Limpeza com cuidado

O painel e o console central do carro contam com vários elementos sensíveis, com destaque para os fios elétricos que ajudam a dar vida aos principais recursos de conforto. Logo, nada de lidar com água ou outros produtos na parte interna. O ideal mesmo é um bom pano úmido na hora de limpar o painel de instrumentos e áreas próximas. Os tapetes de borracha também devem ser limpos com água e sabão. Evite passar produtos para conferir brilho aos protetores do assoalho, uma vez que eles podem deixar a superfície escorregadia e atrapalhar quem está ao volante. Também utilize um limpa-vidros de qualidade para retirar gorduras e outras sujeiras das áreas envidraçadas do veículo.

Revestimento de couro requer mais cuidados

Se o seu carro traz revestimento de couro nos bancos ou em demais áreas como as laterais de portas e painel, um bom pano úmido com um produto de limpeza neutro específico para esse fim já são suficientes para a limpeza. O ideal é que de seis em seis meses você também passe um hidratante específico para o couro com o objetivo de preservar o bom aspecto visual e prevenir rachaduras. Evitar a incidência de sol neste tipo de revestimento também ajuda muito na conservação. Se o seu carro tem couro ou tecido, é importante passar sempre o aspirador inclusive para colaborar com a sua saúde. No caso de manchas mais pesadas no tecido, a lavagem a vapor pode ser uma solução interessante.

Pronto, agora seu carro está novo em folha!

Com todas essas dicas, você terá um carro brilhando como novo para rodar orgulhoso por aí! Mais do que isso, um automóvel bem conservado facilita a revenda e o torna mais disputado entre os interessados, podendo até lhe render uma negociação mais vantajosa. Com certeza seu carro vai agradecer pelo carinho extra!

VIA: WM1 

Compartilhe:

Fotos:

CUIDADOS COM A LIMPEZA DO CARRO